Lecar e a revolução dos carros elétricos no Brasil, o que esperar do legado?

Lecar e a revolução dos carros elétricos no Brasil, o que esperar do legado?
Foto: Divulgação/Lecar

Compartilhe:

Aqui você encontra:

Lecar e a revolução dos carros elétricos no Brasil, o que esperar do legado?
Foto: Divulgação/Lecar

A Lecar, pioneira na produção de carros elétricos no Brasil, surge com a promessa de transformar a indústria automobilística nacional e posicionar o país na vanguarda da mobilidade sustentável.

A indústria automobilística brasileira, historicamente focada em veículos flex e com poucas iniciativas em carros elétricos, recebe um novo impulso com o projeto inovador da Lecar. Este movimento não só desafia o status quo da produção automotiva no Brasil, mas também sinaliza uma mudança significativa na percepção global do país em termos de inovação tecnológica.

Flávio Figueiredo Assis, com sua trajetória desde o setor bancário até o sucesso no ramo de administração de cartões, demonstra uma clara visão empreendedora. Inspirado por líderes como Elon Musk, Flávio decidiu investir na indústria automobilística, com foco em veículos elétricos, visando transformar a matriz energética brasileira e redefinir a imagem do país no cenário automotivo global.

Primeiro protótipo de carro elétrico nacional

A apresentação do primeiro protótipo de carro elétrico nacional, o Lecar 459, em Caxias do Sul, marca um momento histórico. Este modelo, sujeito a testes rigorosos em Londres, promete oferecer autonomia de 400 km por recarga, com 35% dos componentes importados da China e o restante produzido no Brasil.

O desafio enfrentado pela Lecar está na limitada infraestrutura de recarga para veículos elétricos no Brasil. Contudo, a empresa se antecipou a este problema, planejando uma ampla rede de infraestrutura para recarga, principalmente na região da Grande São Paulo, com planos futuros de expansão nacional.

Criação de empregos e autossuficiência em produção dos carros elétricos

A iniciativa da Lecar não só promete revolucionizar o mercado automobilístico, mas também gerar empregos diretos e tornar o Brasil independente na produção de carros elétricos. Com planos de produzir 300 veículos por mês em seu primeiro ano, a Lecar almeja estabelecer uma fábrica para a produção de células de baterias e motores elétricos.

O projeto de carro elétrico brasileiro já recebe apoio internacional, com discussões sobre colaborações com empresários e investidores franceses. Essas parcerias podem incluir compartilhamento de tecnologia e investimentos, destacando a Lecar como um player emergente no mercado global de veículos elétricos.

O legado da Lecar, materializado pela Lecar e seu modelo 459, representa um marco na indústria automobilística brasileira. Este projeto não só abre caminho para um futuro mais sustentável, mas também coloca o Brasil no mapa global como um inovador no setor de transportes elétricos.

Encontrou algo errado ou não atualizado? Fale conosco deixando um comentário ou enviando um e-mail para: poraidemochilawp@gmail.com

Encontrou algo errado ou não atualizado? Fale conosco deixando um comentário ou enviando um e-mail para: poraidemochilawp@gmail.com